sexta-feira, 30 de abril de 2010

Sentimentos

Ninguém é culpado de sentir ou não sentir determinado tipo de sentimento. Às vezes nós não gostamos de alguém e isso não justifica tal ação da nossa parte. E daí? Não gostamos e pronto! Mas, ao contrário, quando gostamos queremos a correspondência de um sentimento tão gostoso e agradável, principalmente quando esse sentimento é a paixão, pois ela sempre vem porque houve motivação (pelo menos na cabeça de quem a possui é assim). Pois bem, creio eu, que ninguém,ninguém mesmo é alheio aquele que lhe quer doar amor, talvez se amedronte com a maneira muitas vezes ameaçadora da doação.Sabendo-se fazer entender que tudo o que se quer é simplesmente doar e receber doação, tudo acontecerá MARAVILHOSAMENTE!É preciso que compreendamos que nem sempre um sentimento tem as mesmas proporções do sentimento do outro, mas isso não quer dizer que não tenha a mesma capacidade de doação, sem cobrança, sem compromisso, a não ser as do próprio sentimento. É tão bom amar,amar e amar! Não importa quanto teremos do amor e sim o que temos. Existem amores sem conquistas e outros que temos que conquistar. Qualquer que seja a forma que ele se apresente, vale a pena "curti-lo", mesmo que nos traga um longo tempo de sonho, só um momento de paixão e o resto da vida de saudade. Com amadurecimento,sabedoria e sedução podem ser possíveis muitos sonhos,vários momentos de paixão com pequenos intervalos de saudades.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Só por amor

Meu amor pede socorro.
Ele é como planta.
 Precisa do jardineiro
 Que o regue todos os dias.
 De tanto sofrimento e dor
 Ah, o amor! O meu amor...
 Está sucumbindo e gritando
 Por ti, teu nome.
 Porém,deixa-o morrer
 Se vieres a mim
 Por uma simples caridade.
 Não gostaria que,em troca do meu amor
 Viestes a mim por piedade.
 Vem, mas vem livre.
 Vem, mas vem completo
 Como estou agora.
 Vem, mas vem pelo puro
 E simples ato de amar
 E só por AMOR meu amor.

 Autora:MBM (Estrela)

quinta-feira, 22 de abril de 2010

Isso é muita sabedoria.

ISSO É MUITA SABEDORIA Quando fazemos tudo para que nos amem e não conseguimos, resta-nos um último recurso: não fazer mais nada. Por isso, digo, quando não obtivermos o amor, o afeto ou a ternura que havíamos solicitado, melhor será desistirmos e procurar mais adiante os sentimentos que nos negaram. Não fazer esforços inúteis, pois o amor nasce, ou não, espontaneamente, mas nunca por força de imposição. Às vezes, é inútil esforçar-se demais, nada se consegue;outras vezes, nada damos e o amor se rende aos nossos pés. Os sentimentos são sempre uma surpresa. Nunca foram uma caridade mendigada, uma compaixão ou um favor concedido. Quase sempre amamos a quem nos ama mal, e desprezamos quem melhor nos quer. Assim, repito, quando tivermos feito tudo para conseguir um amor, e falhado, resta-nos um só caminho...o de mais nada fazer. Clarice Lispector

terça-feira, 20 de abril de 2010

Caminho de Luz?

Há um tempo atrás tive um sonho interessante. Sonhei que encontrava uma ponte de luz e seguia por ela. A medida que eu seguia, ia saindo do planeta Terra. Essa ponte luminosa era tão estreita que só cabiam dois pés juntos e eu tinha muito medo de cair,pois já estava no espaço, encantada com tudo que via. No lado oposto a mim, havia um pequeno planeta do qual também saía uma outra ponte de luz. Essa outra ponte não se juntava a ponte que eu estava, mas sobre ela vinha ao meu encontro uma pessoa muito querida. Era a minha avó (já falecida) e ela vinha com um recado para mim e meus familiares.Minha mãe, também já falecida (faleceu antes da minha avó), havia reencarnado e seu nome era agora Maria G. da P. Gonçalves (antes Terezinha de A. Bezerra). Lembro de que pedi para ir com ela porque estava sozinha e com um medo enorme de cair. Ela, porém, disse que não poderia se juntar a mim, pois não chegara minha hora. Disse-lhe não saber como voltar pois não sabia me virar para voltar, sem cair e me perder naquele espaço infinito. Minha avó falou que a luz me levaria de volta e assim foi. Quando dei por mim, estava na Terra e acordei. Não sigo o espiritismo, mas não nego minha simpatia pela religião. Não sei se esse sonho teve um outro significado. O fato é que foi algo como se eu tivesse, novamente, saindo do meu corpo. Sim, porque já vivi esta experiência. Gostaria que meus visitantes conhecedores da doutrina espírita me esclarecessem a respeito. Obrigda.

sexta-feira, 16 de abril de 2010

RECUSA



RecadosOnline - Recados de Anjos desse naipe, só em Recados Online!


 E ele não quis ser minha luz
 E ele não aceitou ser o meu anjo
 E ele não ousou ser meu deus!
 E ele recusou o meu amor,
 E ele recusou ser meu...
 E ele se negou a mim.

 Autora: MBM (Estrela)

quinta-feira, 15 de abril de 2010

E eu o vi com ela. Sim, os vi em um determinado lugar e ,de início, choquei. O coração doeu literalmente. E aí, eu me obrigava a ver essa imagem todos os dias,embora as lágrimas rolassem molhando minha face sem que eu pudesse retê-las. Eu os vi juntinhos diariamente. Não, não era masoquismo! O que eu esperava com isto era... odiá-los? Não, essa palavra é muito forte. Esperava esquecê-lo. Porém, a única coisa que consegui com isso foi ficar triste, muito triste. Nunca conseguirei ter raiva dele! Também não consegui ter raiva dela. Ao contrário, admirei-a pela esperteza e também morri de inveja dela que o tem sempre que quiser,senti um enorme ciúme tomando conta de mim (fazia anos que não sentia isso!) e um despeito crescente! É... Ela soube como conquistá-lo, ela estava disponível. Sempre esteve. Agora propaga que é feliz! Sei. E ele? Ele fechou as portas para mim só por lhe falar dos meus sentimentos! É, acho que ele gosta mesmo dela! Quem sou eu pra querer me meter entre eles, não é? O fato é que meus sentimentos, apesar disso, não mudaram nada com relação a ele. Ainda gosto dele, ainda o admiro, ainda sou apaixonada quer ele goste ou não, quer ele queira ou não. Sentimento não é uma coisa que se acabe de uma hora pra outra, não é? Resolvi então, que a partir de agora vou viver a vida da forma que ela se apresentar a mim. Vou tentar ser feliz, embora ainda carregue comigo a dor de não ter sobrado nem a amizade dele por mim! Será que é ela quem está ditando regras? Escolhendo suas amizades? Talvez ele deva isso à ela. Bom, se ele a quer, que sejam felizes. Tenho tantas saudades... Ontem foi dia 14 do mês. A última vez que o vi foi nesta data. Vou querer lembrá-lo sempre, com muito carinho, com muito amor. Com muita ternura mesmo. Boa sorte my lord! Não quero e não vou esquecê-lo jamais. Felicidades. Beijos ... Estrela.

terça-feira, 13 de abril de 2010

Ah!... Meus Amigos!

Como é maravilhoso estar com pessoas que você gosta, nas quais você confia. Pois é, Deus achou melhor me presentear com muitos amigos, do que me presentear com muitos amores. Hoje passei a tade com duas das minhas amigas. Fomos ao cinema e vimos uma comédia. Pois é. Rimos juntas,fizemos compras, jantamos fora, contamos novidades (porque agora trabalho em local diferente do delas) umas às outras, passamos a tarde juntas e aproveitamos o feriado. Fazia um tempo que não me divertia tanto! Além de tudo, matei um pouquinho da saudade que estava sentindo delas. Ah! Os amigos são tudo na vida da gente. Como creio que nada é por acaso, acredito que meus amigos estavam destinados a mim e eu estava destinada a eles. Tenho uma amiga, especialíssima, que eu considero irmã, meu porto seguro, o farol quando meu barco está perdido. Esta amiga sabe o motivo de cada lágrima, de cada riso,as causas de meu desespero, meus males. À ela conto meus sonhos e inquietações e vice-versa. Dividimos muitas coisas durante todos esses anos. Vez em quando ela briga comigo e me faz ver que mereço a bronca.No entanto, nunca briguei com ela!Às vezes penso "como somos diferentes!" Então concluo que por isso mesmo nos damos tão bem! Se fôsse-mos iguais nos chocaría-mos. Amigos são únicos.São tesouros adquiridos ao longo de nossas vidas. Não os esqueça em um canto para procurá-los quando precisar, mas cultive as amizades verdadeiras que atravessam seus caminhos. Uns são verdadeiros anjos que agem em nosso meio. Para outros, os anjos somos nós. Quero passar o resto da vida cultivando e fazendo novos amigos. Como já cantava o Roberto Carlos,"eu quero ter um milhão de amigos..."

quarta-feira, 7 de abril de 2010

Os versos que te fiz

Deixe dizer-te os lindos versos raros
 Que a minha boca tem pra te dizer !
 São talhados em mármore de Paros
 Cinzelados por mim pra te oferecer.
 Tem dolencia de veludo caros,
 São como sedas pálidas a arder...
Deixa dizer-te os lindos versos raros
Que foram feitos pra te endoidecer !
 Mas, meu Amor, eu não te digo ainda...
 Que a boca da mulher é sempre linda
 Se dentro guarda um verso que não diz !
 Amo-te tanto ! E nunca te beijei... E nesse beijo,
 Amor, que eu te não dei
Guardo os versos mais lindos que te fiz.

 (Florbela Espanca)

segunda-feira, 5 de abril de 2010

Talvez você tenha nescessidade de um beijo "caliente" ou de um envolvimento sexual para se sentir apaixonada(o)por alguém. Não é este o meu caso, não é nescessário ir às vias de fato para que me sinta apaixonada. Aí você diz: "Nossa! Como ela é carente!" E eu não tiro sua razão por pensar assim. Para mim, basta um olhar penetrante,daqueles que conseguem ver sua alma, adivinhando seus pensamentos,uma (entre muitas) palavra de carinho, um gesto carinhoso, um abraço, um beijo no rosto... É, talvez você tenha razão e não nego que haja carência em mim. Sou mesmo como um bichinho arredio e às vezes acho que só me deram carinho em pouca quantidade que era pra que não me acostumasse a receber o que não me podia ser dado. Logo eu,que sempre fui uma pessoa meiga e carinhosa, que tive tantas coisas boas dentro de mim que podia compartilhar e rejeitaram (da primeira vez). Agora estou novamente apaixonada e a rejeição a mim já virou uma constante. Aí você diz: "puxa, quanta baixa estima!" E eu digo que não se trata disso. Como você se sentiria se declarasse seu amor a alguém e esse alguém esfregasse na sua cara uma outra pessoa? E daí você concluísse que essa pessoa já fazia parte da vida desse alguém há muito tempo e você se sentisse lesada, enciumada, despeitada, invejosa mesmo! Sua estima iria estar em alta? Porém não está baixa (ainda). Você diz a uma pessoa o quanto gosta dela e ela te responde grosseiramente, como quem diz: "Não pedi seu amor e nem me interesso por ele. Se iludiu porque quis." É duro ouvir tal coisa. Quem me dera arrancar esse sentimento do meu coração, essa pessoa da minha mente, dos meus sonhos! Não posso fazê-lo. Não é fácil.Ele está na minha mente 24 horas por dia e mesmo em minhas orações não consigo me concentrar. Mas,vou esperar pelo tempo que tudo cura.

domingo, 4 de abril de 2010

Especulações religiosas

Estamos no período Pascal. Tempo de renovação e para nós, católicos,tempo de celebrarmos a Ressurreição de Jesus. Há uma passagem na Bíblia, acredito ser no momento da Ressurreição, onde é dito que Jesus voltará (mesmo depois de ser tratado tão mau?).Bom, eu não voltaria! Mas eu não sou Jesus e nem teria essa pretensão. Quando aqui ele chegou pela primeira vez, veio como homem. Sexo masculino entende? Talvez porque a sociedade da época fosse machista e mulher jamais seria ouvida! Ao contrário dos homens que tinham e tem total liberdade de expressão.Como ainda hoje é assim, a sociedade "aceita" a mulher mas não deixou de ser machista,acredito que se Ele voltar como prometeu,virá homem novamente. Também fala-se na vinda de um anticristo. O antagonista de Jesus! Todos acham que seja um homem e que vai vir para arrasar, chefiando nações. Já se perguntaram se o anticristo,justamente por se opor a Jesus em tudo, vier como mulher, linda, maravilhosa, audaciosa e com um cargo político importante? Não? O homem é a criatura mais perfeita de Deus, mas tem uma fraqueza: a mulher. Outra criatura perfeita do Pai, mas com um poder de persuasão inenarrável. Pensem nisso!

sábado, 3 de abril de 2010

O Retorno

Boa noite, queridos leitores!Resolvi dar uma passada neste blog e, excetuando amigos pessoais (que acham que devo retornar), encontrei pessoas que também se identificaram com este espaço e que acham que minha palavra amiga pode fazer bem a outros. Sendo assim, eis-me de volta! Não... não vou dizer que desapaixonei, mas de alguma forma tenho que dar vazão a este sentimento.Então, que seja através das letras, das palavras. Beijos meus queridos e obrigada pela força!Espero encontrá-los aqui mais uma vez. Estrela.